A 12ª conferência da ONU sobre o clima, que está a decorrer em Nairobi, vai intensificar os esforços na luta contra as alterações climáticas. Se nada for feito, os cenários que se colocam são terríveis. Dê a sua opinião.
logo da Quercus
Últimas notícias sobre a Cimeira de Nairobi

Últimas referências em blogs sobre a Cimeira de Nairobi

.posts recentes

. A fome e o clima

.arquivos

. Novembro 2006

Quarta-feira, 8 de Novembro de 2006

A fome e o clima

 
 
As mudanças no clima põe em risco a comida dos seres humanos e torna ainda mais difícil o desafio de alimentar a crescente população mundial, alertou esta terça-feira a FAO (Fundo das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação).
 
A FAO aproveita a conferência de Nairobi para lembrar "que é necessário prestar maior atenção ao impacto das alterações climáticas sobre a agricultura, a silvicultura e a pesca".

A agência da ONU aponta como uma prioridade "conseguir fortalecer a resistência dos sistemas agrícolas às variações do clima".

Assim, a FAO vai oferecer aos países "instrumentos e informação para transformar suas políticas e práticas agrícolas, pesqueiras e florestais".

Essa informação contém dados agro-meteorológicos para avaliar o impacto dos climas extremos, as ferramentas para examinar a vulnerabilidade dos cultivos, os mapas de coberturas vegetais, a evolução dos recursos agrícolas e florestais em nível mundial e a orientação sobre o desenvolvimento de meios de subsistência rurais.
 
Gasolina Verde

Mas a FAO sublinha que sua ajuda não se vai limitar à questão dos alimentos, já que a agência também pode contribuir para mitigar os efeitos da mudança climática em questões como a gestão das florestas e as bio-energias.
 
Com efeito, nos próximos 50 anos, a agricultura e a silvicultura vão proporcionar as principais fontes de combustíveis biológicos líquidos e sólidos, como já fazem os cultivos de açúcar, milho e soja usados para produzir etanol e biodiesel.

A FAO sublinha que “embora não exista uma solução única para todos os países, a bioenergia tem um papel-chave para nos adaptarmos e reduzirmos a dependência dos combustiveis fosseis”.

A agência da ONU afirma que, "com as tecnologias adequadas, transformar biomassas como madeira, resíduos de colheitas, erva, palha e restos de plantas em combustível pode proporcionar uma fonte abundante de energia limpa e barata".

CO2 nas Árvores

Quanto à questão florestal, a FAO afirma que uma melhor gestão das florestas tem "um papel-chave" para reduzir as mudanças climáticas em todo o mundo.
 
“Quando há exagero na sua exploração, as florestas transformam-se em fontes de emissão de gases causadoras do efeito estufa. Ao mesmo tempo, as florestas e a madeira que produzem, (também) capturam e armazenam dióxido de carbono (CO2) da atmosfera, por isso têm um papel-chave para mitigar as mudanças climáticas”, lembra a FAO.
tags: ,
publicado por nairobi às 00:18
link do post | comentar | favorito
|
logo da Cimeira da ONU sobre alterações climáticas

.Novembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.tags

. carbono

. carbono-zero

. clima

. co2

. economia

. efeito_estufa

. energia

. estufa

. fao

. floresta

. gases

. governo

. ipcc

. mar

. oceanos

. ong

. onu

. pnac

. portugal

. quercus

. quioto

. saúde

. stern

. transportes

. ue

. unesco

. unfccc

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds